Sobre a Saint Paul
Transformamos a vida das pessoas e a sociedade por meio do conhecimento, promovendo o melhor capital intelectual nas áreas de finanças, gestão e negócios. Neste Blog, apresentamos soluções para as principais dúvidas sobre desenvolvimento profissional, carreira e mercado, por meio de conteúdos exclusivos. Boa leitura!
indices financeiros indicadores financeiros análise financeira de balaços

Seu gestor pediu para que você apresente análises sobre o desempenho financeiro da companhia que o ajudem a tomar uma decisão importante. Para surpreendê-lo e mostrar seu diferencial, você quer fugir do óbvio e mostrar um estudo mais aprofundado.

Esse é o seu caso? Veja abaixo sete dicas para uma análise financeira de balanço que você pode aplicar para detalhar mais profundamente a situação da empresa.

 

1. Entenda o que a sua empresa faz

Para preparar uma análise embasada por indicadores financeiros relevantes, antes de mais nada, você precisará conhecer profundamente o negócio da empresa. Se você trabalha numa grande rede varejista, vai precisar entender sobre o comportamento de venda sazonal, controle de estoque, logística, estratégia de marketing, entre outras informações específicas do setor, para então, partir para o cenário financeiro. Os números são importantes, mas você só conseguirá tomar decisões ao entender o negócio com um todo.

 

2. Lucro é uma coisa, caixa é outra

No momento de analisar a DRE (Demonstração de Resultados do Exercício) na tentativa de obter insights de novas oportunidades para o negócio é importante lembrar-se que lucro e fluxo de caixa são conceitos distintos. Portanto, é importante entender melhor esses conceitos, antes de prever um investimento.

 

3. IFRS e a dificuldade de comparação entre empresas

A utilização do IFRS (International Financial Reporting Standards) é fundamental para uniformizar os procedimentos contábeis e as políticas existentes entre os países. Sendo assim, é fundamental ajustar a essência da contabilidade ao seu negócio. O IFRS permite evidenciar de maneira transparente as informações sobre a posição financeira, o desempenho e os fluxos de caixa dessas organizações.

 

 

4. Fique por dentro da contabilidade

Da mesma forma que é importante compreender o funcionamento do negócio é também essencial entender as conexões da contabilidade. Tenha em mente que tudo parte do balanço patrimonial. É a partir dele que você entenderá quais foram as decisões de investimentos e os valores investidos para alcançar os resultados.

 

5. Balanço patrimonial é uma foto

Este documento contábil é uma fotografia da companhia, que apresenta os bens, direitos e deveres da empresa em determinada data. Em algumas situações, será preciso organizar os dados e apresentar os números para que se tenha uma leitura correta da situação da empresa. Por isso, é preciso mergulhar na análise do balanço patrimonial para entender tudo o que foi feito e o que realmente está acontecendo no desempenho financeiro.

 

6. Ciclo de caixa

Para planejar o capital de giro da organizaçãoe avaliar se há a necessidade de um empréstimo bancário é essencial entender como se estabelecem a relação entre prazos de estocagem, vendas e o recebimento das vendas. O ciclo de caixa é uma análise fundamental para ajustar a periodicidade e a entrada e saída de valores.

 

New Call-to-action

 

 

7. Resultados não operacionais influenciam o lucro operacional

Um ponto que acaba passado batido pelos profissionais da área é a análise dos resultados não operacionais. Esse item da DRE influencia diretamente o lucro operacional. Por isso, é importante entender os valores de receita e despesa que não estão diretamente relacionadas ao negócio e aplicar essa visão na sua análise.

Saia da zona de conforto e surpreenda seu gestor com uma análise mais aprofundada sobre o desempenho financeiro da companhia.
Adriano Mussa
Diretor Acadêmico Saint Paul

Posts Relacionados

New Call-to-action
New Call-to-action
New Call-to-action
Baixe nosso infográfio: Design Thinking

Posts populares